Reforma Em Sítio Transforma três Galpões Numa Residênci

24 Feb 2019 10:43
Tags

Back to list of posts

<h1>Vinte e cinco Ideias Afim de Quem Quer Sair Do &oacute;bvio</h1>

<p>Reformados, os antigos galp&otilde;es nesse s&iacute;tio fluminense deram origem a um gracioso conjunto, fiel ao estilo r&uacute;stico original das casinhas. Projeto de Andr&eacute; Luque. A cor das portas e venezianas (Coral, ref. roxo pervinca, 61BB 28/291) &eacute; a marca registrada das constru&ccedil;&otilde;es. Execu&ccedil;&atilde;o da Gil Pinturas. Uma faixa de filetes de pedra madeira (Apicoar), com cinquenta cm de altura, cerca toda a base, protegendo-a contra a umidade do solo.</p>

<p>Projeto de Andr&eacute; Estilos E quarenta e oito Inspira&ccedil;&otilde;es Como Decorar O Espa&ccedil;o! . GALP&Atilde;O 1: duas das 3 casas t&ecirc;m metragem igual, e todas adotaram a mesma tinta acr&iacute;lica pela fachada (Coral, ref. bronze convencional, 20YY 47/145). o formato do telhado se manteve, e at&eacute; as telhas antigas foram reaproveitadas. Projeto de Andr&eacute; Luque. GALP&Atilde;O 1: pela casa do meio fica a &aacute;rea social, com a cozinha aberta para o estar. A ilha de marmoglass (1,quarenta e cinco x 2,oitenta m, da Apicoar) embute o cooktop.</p>

<p>Projeto de Andr&eacute; Luque. GALP&Atilde;O 1: o charme t&iacute;pico da Proven&ccedil;a est&aacute; nas esquadrias claro (mais em Conta equipamentos de Constru&ccedil;&atilde;o), de madeira tingida. “Usamos janelas de medida-modelo. Para ampliar os v&atilde;os, colocamos uma ao lado da outra”, diz a propriet&aacute;ria. Projeto de Andr&eacute; Luque. GALP&Atilde;O 2: com forro de lambri, o madeiramento do telhado fica aparente, e todo o conjunto (Pedro Firmino marcenaria) obteve uma dem&atilde;o de esmalte acetinado branco.</p>

<ul>
<li>N&atilde;o lavar</li>
<li>Sof&aacute;s e poltronas confort&aacute;veis</li>
<li>Cortador de p&atilde;o em modelo de panda</li>
<li>Dupla de cores prim&aacute;rias</li>
<li>21 - Simulando Divis&otilde;es</li>
<li> Decora&ccedil;&atilde;o De Ch&aacute; De Panela (conversa) 00h39min de 7 de abril de 2010 (UTC)</li>
<li>4- Lembrancinhas de Ch&aacute; de Panela</li>
</ul>

<p>Projeto de Andr&eacute; Luque. GALP&Atilde;O 2: a sala de Tv ocupa o centro nesse chal&eacute;, que possui uma su&iacute;te em cada ponta. Projeto de Andr&eacute; Luque. GALP&Atilde;O 2: o pet da fam&iacute;lia curte 11 Dicas De Decora&ccedil;&atilde;o De Resid&ecirc;ncia Acess&iacute;vel Reciclar E Decorar as casas. “Como aqui chove pouco, deixamos a &aacute;rea descoberta”, conta a propriet&aacute;ria.</p>

<p>Projeto de Andr&eacute; Luque. 'Cidade' Em Cemit&eacute;rio No Cairo Resiste &agrave;s Modifica&ccedil;&otilde;es Do Egito H&Oacute;SPEDES: o lambri de 1,vinte m comp&otilde;e a cabeceira. Projeto de Andr&eacute; Luque. Moradia DE H&Oacute;SPEDES: as fachadas azul e c&aacute;qui s&atilde;o a cara do s&iacute;tio. Projeto de Andr&eacute; Luque. Moradia DE H&Oacute;SPEDES: canteiros de lavanda refor&ccedil;am o clima proven&ccedil;al do local. Projeto de Andr&eacute; Luque. Moradia DE H&Oacute;SPEDES: na bancada de m&aacute;rmore branco extra, o recorte na prancha de peroba-do-campo encaixa a toalha.</p>

<p>“Quanto menos ferragens, melhor”, diz o arquiteto Andr&eacute; Luque. Ao longo dos inmensur&aacute;veis anos que morou fora do Brasil, o casal com dois filhos a toda a hora passava f&eacute;rias em Secret&aacute;rio, vilarejo buc&oacute;lico na serra fluminense, a menos de duas horas da capital do estado. A rotina de desbravar a regi&atilde;o, lotada de cachoeiras, planta&ccedil;&otilde;es de hortali&ccedil;as e pastos, era um programa dos mais deliciosos e relaxantes.</p>

<p>Numa destas Avalia&ccedil;&atilde;o De Hotel: Conservatorium, Em Amsterd&atilde; , constataram um peda&ccedil;o de terra &agrave; venda. Costumes Do Velho Egito deu outra - a fam&iacute;lia caiu de amores pelo s&iacute;tio com palmeiras, lago e &aacute;rea de sobra pra receber parentes e amigos. “J&aacute; est&aacute;vamos voltando claramente ao Rio e pens&aacute;vamos mesmo em comprar um ref&uacute;gio pela serra. Adoramos estar rodeados de gente querida.</p>

<p>E nesse lugar seria poss&iacute;vel nos instalar com espa&ccedil;o e conforto, exatamente como sonh&aacute;vamos havia tempos”, conta a propriet&aacute;ria. Logo que ela e o marido fecharam neg&oacute;cio, ap&oacute;s oito meses de negocia&ccedil;&otilde;es, come&ccedil;aram a avaliar a melhor forma de desfrutar a suporte existente: 3 menores galp&otilde;es, que tinham servido de dep&oacute;sito de todo tipo de instrumento. “Eram b&aacute;sicos, por&eacute;m havia algo de encantador neles. Quem sabe a ess&ecirc;ncia da t&iacute;pica casinha de ro&ccedil;a.” Dessa maneira o arquiteto paulista Andr&eacute; Luque foi chamado para reflexionar na reforma.</p>

<p>“Ele &eacute; f&atilde; da est&eacute;tica contempor&acirc;nea e, de cara, prop&ocirc;s colocar tudo abaixo. Contudo acabei de terminar o convencendo a apostar num risco singelo. No desfecho, resolvemos preservar a configura&ccedil;&atilde;o original, com unidades separadas, redesenhar as fachadas e toda a parte interna e privilegiar revestimentos descomplicado, como cimento, madeira e pedra. O branco prevalece j&aacute; que adoro ambientes claros e bem iluminados. E, porque chove insuficiente na regi&atilde;o, deixamos a circula&ccedil;&atilde;o a c&eacute;u aberto”, explica a dona da morada, que acompanhou a obra de perto.</p>

reforma-integral-bano-santa-ana.jpg

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License